0:00
0:00

Planalto barra iniciativa, mas ideia de novas eleições não morreu no Congresso

  • Por Jovem Pan
  • 15/12/2016 12h16
EFE/Joédson AlvesEFE/Joédson AlvesCongresso Nacional foi principal alvo de gritos nas ruas pelo Brasil
BRA102. BRASILIA (BRASIL), 04/12/2016. - Miles de ciudadanos salieron hoy, domingo 4 de diciembre de 2016, a las calles de Brasilia (Brasil) para mostrar su descontento por la cada vez más evidente corrupción de buena parte del arco político brasileño. En Brasilia unos 4.000 manifestantes, según cálculos de la Policía Militar, se concentraron pese a la lluvia en la Explanada de los Ministerios, frente al Congreso, portando carteles con mensajes tan contundentes como "el pueblo contra la corrupción" o "el poder emana del pueblo". EFE/Joédson Alves

As manchetes dos comentários de Fernando Rodrigues desta quinta-feira (15) foram:

Demissão de José Yunes do Palácio do Planalto é um péssimo sinal para Michel Temer. O presidente é amigo pessoal de Yunes, que teve de deixar o cargo para se explicar sobre acusações contidas em delações da Lava Jato.

Fracassa a tentativa de acelerar a tramitação de uma emenda constitucional sobre eleições diretas para presidente a partir do ano que vem. O Planalto conseguiu barrar a iniciativa, mas a ideia não morreu no Congresso.

Ouça o comentário completo AQUI.