Os serviços de streaming continuam crescendo cada vez mais e, ao que tudo indica, logo serão maiores do que o cinema. Essa é a previsão da empresa PwC, a mesma responsável pelos resultados do Oscar.

De acordo com relatório divulgado pela PwC, o faturamento da Netflix e da Amazon deve ter um crescimento de cerca de 30% em seu faturamento, alcançando a marca de US$1,81 bilhões até 2020.

O montante seria superior ao arrecadado pelas bilheterias de cinema no Reino Unido, que possui uma previsão de faturamento de US$1,80 bi para a mesma data.

Segundo a empresa, no entanto, o faturamento maior dos streamings em relação às bilheterias não deve afetar significamente as grandes redes de cinema, que devem continuar a existir.

“O número positivo para essas plataformas não significa que a indústria de filmes morrerá. Os sucessos de bilheterias como ‘Rogue One’ e ‘Animais Fantásticos’ são provas vivas de que ainda existem motivos para assistir à grandes produções no cinema”, explicou um representante da empresa.