Stan Lee nega abuso por parte da filha e ameaça abrir processo por “calúnia”

  • Por Jovem Pan
  • 12/04/2018 17h37
Reprodução/ InstagramCriador da Marvel publicou vídeo desmentindo publicação

Aos 92 anos, Stan Lee fez questão de negar que estivesse sofrendo abusos e maus tratos da filha J.C. Lee, de seu cuidador e amigos próximos, conforme foi divulgado pelo The Hollywood Reporter recentemente. O quadrinista gravou vídeo desmentindo a informação e ainda ameaçou processar a publicação.

“Vocês publicaram o material mais odioso e nocivo sobre mim e meu amigo Keya [Morgan] e alguns outros. Um material que é completamente incorreto, totalmente baseado em calúnias e o tipo de coisa que me fará te processar quando eu tiver a chance”, falou.

O quadrinista ainda citou “vingança pessoal” por parte da imprensa. “Você decidiu que as pessoas estavam me tratando mal e publicou essas matérias. Eu vou pagar pelos advogados mais caros que tenho e se você não parar agora e publicar retratações eu vou processar”, completou.

A matéria sobre os supostos abusos sofridos por Stan Lee foi publicada pelo THR. A publicação também revelou um documento assinado pelo quadrinista em que ele acusa 3 homens – seu antigo cuidador, o atual cuidador e seu advogado – de tentar controlar suas propriedades e dinheiro.

Veja o vídeo divulgado pelo TMZ: