Tatá diz ter perdido trabalhos na TV por ser considerada “feia e gorda”

  • Por Jovem Pan
  • 08/02/2018 10h50
Agnews/Thiago Duran“NINGUÉM pode destruir seus sonhos. NINGUÉM pode definir seu tamanho e seu potencial", disse a atriz

A atriz e humorista Tatá Werneck não podia estar melhor. Queridinha no Brasil inteiro, a carioca estrela atualmente a novela Deus Salve o Rei na TV Globo e lidera seu próprio talk show no canal Multishow. Mas nem sempre as coisas foram fáceis. Em seu perfil do Instagram, ela revelou que já recebeu muitos “nãos” no início da carreira – inclusive por não se enquadrar nos padrões estéticos exigidos.

“Já fui chamada de feia, de gorda e num teste um produtor disse que eu estava gorda e não sabia nada de comédia. Eu respondi ‘mas posso pelo menos emagrecer?’. Em duas semanas emagreci 7 quilos. Ele não apareceu mais. Tempos depois me mandou mensagem perguntando se poderia participar do meu programa. Eu indiquei ele para os testes com todo amor. Eu não precisaria dar nenhuma resposta. A vida já tinha dado a maior de todas”, contou.

“NINGUÉM pode destruir seus sonhos. NINGUÉM pode definir seu tamanho e seu potencial. O que aos olhos dos outros pode parecer esquisito, pode ser só a sua arte inquieta querendo existir num mundo onde o que é diferente está fora dos padrões. E quem pode ser considerado padrão mesmo? Não existe. Somos todos diferentes. E infinitos. Bom dia! Acorda que o dia tá lindo demais”, completou.

O mesmo aconteceu comigo e milhares de outras pessoas. Já fui chamada de feia, de gorda e num teste um produtor disse que eu estava gorda e não sabia nada de comédia. Eu respondi "mas posso pelo menos emagrecer ?" Em duas semanas emagreci 7 kilos. Ele não apareceu mais. Tempos depois me mandou msg perguntando se poderia participar do meu programa. Eu indiquei ele pros testes com todo amor. Eu não precisaria dar nenhuma resposta. A vida já tinha dado a maior de todas. NINGUÉM pode destruir seus sonhos. NINGUÉM pode definir seu tamanho e seu potencial. O que aos olhos dos outros pode parecer esquisito, pode ser só a sua arte inquieta querendo existir num mundo onde o que é diferente está fora dos padrões. E quem pode ser considerado padrão mesmo? Não existe. Somos todos diferentes. E infinitos. Bom dia! Acorda que o dia tá lindo demais ❤️

A post shared by Tata Werneck (@tatawerneck) on

Na imagem, Tatá postou uma foto da atriz Maryl Streep de anos atrás dentro de um vagão de metrô com um relato semelhante da norte-americana também sobre seu início de carreira. “Esta sou eu voltando para casa depois de um teste para o filme King Kong. Fui considerada muito feia para o papel. Foi um momento muito difícil para mim. Essa opinião maldosa podia ter tirado todos os meus sonhos de me tornar uma atriz e continuar acreditando em mim mesma. Respirei fundo e disse: sinto muito se você me considera feia, mas sua opinião é apenas uma diante de milhares. Vou procurar uma maré mais agradável. Hoje eu tenho 19 indicações ao Oscar”, diz o suposto relato de Streep.