Eddie Clarke, guitarrista da banda Motörhead, morre aos 67 anos

  • Por Agência EFE
  • 11/01/2018 13h58
Reprodução/FacebookFast Eddie ClarkeO guitarrista morreu devido a uma pneumonia

O guitarrista britânico Eddie Clarke, último sobrevivente da formação clássica da banda Motörhead, morreu aos 67 anos devido a uma pneumonia, informou nesta quinta-feira a página oficial do grupo no Facebook.

Clarke, apelidado ‘Fast Eddie’ (‘Eddie rápido’), fez parte da banda de heavy metal entre 1976 e 1982, ao lado de Lemmy Kilmister, vocalista, baixista e líder do grupo, falecido em dezembro de 2015, e o baterista Phil Taylor, que morreu em novembro do mesmo ano.

“Nós estamos devastados ao informar a notícia que nós mesmos acabamos de receber”, diz um comunicado do grupo que detalha que Clarke morreu ontem “em paz” no hospital.

O guitarrista participou dos primeiros seis álbuns da banda e decidiu deixar o grupo durante uma turnê pelos Estados Unidos.

Junto com o baixista Pete Way (UFO), Clarke formou o Fastway, que lançou sete discos, o último deles (“Eat Dog Eat”) em 2011.

Alguns dos músicos que passaram pelo Motörhead – que anunciou a sua dissolução em 2015 – lamentaram nas redes sociais a morte de Clarke, como o também guitarrista Phil Campbell, que afirmou o colega de banda será recordado “por seus icônicos ‘riffs'”.

“Era um verdadeiro roqueiro. Descanse em paz, Eddie”, escreveu Campbell.

“Esta é uma terrível notícia. O último dos três amigos. Vi Eddie há pouco tempo e ele estava em plena forma. Isso é completamente chocante”, afirmou o baterista Mikkey Dee, que toca no Scorpions desde 2016.

We are devastated to pass on the news we only just heard ourselves earlier tonight…Edward Allan Clarke – or as we all…

Publicado por Official Motörhead em Quinta-feira, 11 de janeiro de 2018