Um dos filhos da cantora Tati Quebra Barraco foi morto a tiros na madrugada deste domingo (11), na zona oeste do Rio de Janeiro, na comunidade Cidade de Deus. Segundo parentes de Yuri Lourenço da Silva, que tinha 19 anos, ele foi baleado no rosto.

A família acusa os policiais militares da UPP da comunidade por terem disparado contra o jovem. Outro rapaz que estava com Yuri também foi atingido e morreu.

Os policiais da UPP confirmaram o tiroteio e as duas pessoas atingidas, mas alegaram que houve confronto com traficantes.

Em seu perfil no Twitter, a cantora lamentou a morte do filho. “A PM tirou um pedaço de mim que jamais será preenchido. A PM matou o meu filho. Essa dor nunca irá se cicatrizar”, escreveu.

Ela ficou sabendo da morte durante um show em Belo Horizonte e logo estava a caminho do Rio de Janeiro.

No Facebook, ela publicou uma carta em que se questiona o motivo de tudo isso estar ocorrendo e como foi receber a notícia durante o show. Confira: