0:00
0:00

Mano Brown se lança em carreira solo com disco sobre amor

  • Por Jovem Pan
  • 09/12/2016 12h38
DivulgaçãoDivulgaçãoMano Brown se lança em carreira solo

Esqueça o Mano Brown contestador, autor de rimas ferozes de forte cunho social e político – pelo menos por enquanto. Lançado nessa sexta-feira (09) nas plataformas de streaming, “Boogie Naipe” marca a estreia solo do mais conhecido integrante do Racionais Mc’s  e traz uma nova faceta do rapper. Desta vez o rap ao invés das batidas da música funk e soul e as críticas em torno do racismo e da desigualdade, marcas do último trabalho lançado pelos Racionais (“Cores e Valores”), dá vez ao amor.

Mano Brown assina a produção do álbum junto com Lino Krizz, o homem do vozeirão romântico que acompanha o rapper desde outros momentos do Racionais, e traz participações de Seu Jorge, Ellen Oléria, Wilson Simoninha, Max de Castro, Hyldon e Leon Ware, músico e parceiro de Marvin Gaye.

Para os fãs mais conservadores dos Racionais, o trabalho solo de Mano Brown pode soar estranho, já para os saudosos que viveram a época dos bailes blacks nos anos 1980, “Boogie Naipe” deve trazer boas lembranças. E para os que não viveram esta época, mas têm ouvidos abertos para novidades, a produção faz uma viagem para uma época que não foi vivida.

Para ouvir clique aqui.