0:00
0:00

Rock in Rio lança projeto em Manaus para plantar 1 milhão de árvores

  • Por Agencia Brasil
  • 27/08/2016 20h27
DivulgaçãoDivulgaçãoRock in Rio lança projeto para plantar 1 milhão de árvores

O projeto socioambiental Amazônia Live, do Rock in Rio, será lançado neste sábado (27) em Manaus. Entre as atrações, está o tenor Plácido Domingo, que vai se apresentar, junto com a Orquestra Filarmônica do Amazonas, em um palco flutuante no Rio Negro para convidados. O show será transmitido ao vivo. No palco de 400 metros montado na praia da Ponta Negra, o destaque será a cantora Ivete Sangalo. O diretor de eventos da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Diyego Monzaho, diz que as apresentações foram idealizados em duas etapas.

“A primeira etapa é no meio do Rio Negro e lá a gente tem um show de TV, para a imprensa, onde estarão alguns convidados, imprensa internacional, e o show do Plácido Domingo com convidados, como Ivete Sangalo e o tenor Saulo Laucas, entre outros. Paralelo a isso, a gente tem um evento na Ponta Negra que faz a transmissão desse show da balsa e a apresentação de bandas locais e o show da Ivete”.

O Amazônia Live pretende plantar mais de um milhão de árvores em 400 hectares de área desmatada da floresta amazônica nas cabeceiras do Rio Xingu. As sementes serão adquiridas com indígenas da região, para ajudar a fomentar a economia local, além de promover reflorestamento.

A estimativa do Rock in Rio é gerar aproximadamente R$ 700 mil em renda para as famílias coletoras de sementes e 50 empregos diretos nas atividades de assistência, preparação do solo e plantio.

Compromisso

Quando anunciou o projeto, no dia 4 de abril, o presidente do Rock in Rio, Roberto Medina, disse que o número de árvores plantadas na Amazônia pode chegar a 3 milhões por meio do projeto. “Eu sinto que as pessoas não sabem como ajudar. E o Rock in Rio vai explicar como ajudar. A gente está assumindo o compromisso hoje de plantar 1 milhão de árvores, mas o Banco Mundial já anunciou outro milhão, nós temos alguns clientes e vamos chegar fácil aos 3 milhões de árvores plantadas em um investimento todo feito pela iniciativa privada”, disse Medina.

Além da importância socioambiental para a Amazônia, o diretor de eventos da Manauscult destaca os benefícios para a capital amazonense. “Acho que a importância desse projeto para Manaus é o desenvolvimento turístico, é o aquecimento da cadeia econômica da cidade, a gente está movimentando diversos setores. De alguma forma isso projeta a cidade internacionalmente e divulga diversas questões e belezas nossas tantos sociais como culturais. Acaba sendo uma forma de acesso do mundo à cidade de Manaus, ao Amazonas e à região amazônica”, disse Monzaho.

Os portões de acesso ao Amazônia Live serão abertos a partir das 15h. Também haverá shows de artistas e bandas locais como Alaídenegão, Marcelo Nakamura, Elias Moreira, Jéssica Stephens e Sinézio Rolim. Apesar de ser fechado para convidados, o show de lançamento do Amazônia Live, com o Tenor Plácido Domingo, poderá ser assistido, a partir das 18h30, em quatro telões instalados na Ponta Negra. Ivete Sangalo se apresenta por volta de 21h.  A praia estará fechada para banho neste sábado como parte do esquema de segurança montado para o evento.

O Rock in Rio foi criado em 1985 e é considerado o maior evento de música e entretenimento do mundo.