0:00
0:00

Dez vezes que filmes e animações nos fizeram chorar MUITO

  • Por Adriano Sarafim/ Jovem Pan
  • 10/09/2017 10h00
Reprodução/Divulgação/MontagemPreparados para derrubar umas lágrimas lendo esse texto?

Se você é alguém que vai às lágrimas com facilidade, já avisamos que é melhor preparar o lenço. O cinema é uma arte que tem o poder de despertar emoções em seus espectadores e muitos filmes e animações conseguiram levar gente do mundo todo às lágrimas com obras que partem o nosso coração em certo ponto da trama.

Você certamente já chorou vendo algum longa, principalmente aqueles que envolvem animais de estimação, não é mesmo? Ou mesmo animações que nos cativam com personagens carismáticos, mas que acabam não tendo um final feliz.

A Jovem Pan separou dez filmes que fazem até o robô mais sem sentimentos do mundo chorar rios de lágrimas quando termina a sessão. Se você falar que não caiu um cisco nos olhos, pode procurar um médico para ver por onde anda o coração.

Morte do Mufasa – O Rei Leão

Lá se vai o seu primeiro lenço. Não há cena mais impactante nos filmes da Disney na década de 1990 do que a morte de Mufasa, o pai de Simba, em “O Rei Leão”. O rei se arriscou para salvar o seu filho de ser pisoteado e depois tentou escalar um penhasco para não morrer. Ao pedir ajuda para seu irmão Scar, o vilão o derruba do local direto para a morte. A cena de Simba tentando fazer o pai acordar é de partir o coração.

Mufasa GIF - Find & Share on GIPHY

Senhor e senhora Fredricksen – UP

“Up – Altas Aventuras” já deixa você sem condições emocionais logo em seus primeiros minutos com a história de amor do senhor e da senhora Fredricksen. A trama mostra como os dois se conheceram quando crianças e cresceram juntos, até se casar. Somos pegos de surpresa com o fato de Ellie não poder engravidar, mas mesmo assim não deixa de ser feliz com Carl. Com uma idade já avançada, Ellie acaba morrendo, deixando Carl sozinho para realizar o seu velho sonho de viajar para a América do Sul.

Divulgação

Sacrifício de Harry – Armageddon

Saindo das animações e indo para os filmes dramáticos, “Armageddon” fez com que muitas pessoas gastassem um rolo de papel higiênico para enxugar as lágrimas no final, quando Harry (Bruce Willis) tem um diálogo emocionante com a sua filha Grace (Liv Tyler). Nunca é fácil se despedir da filha para depois sacrificar a vida para salvar a Terra.

Morte de Marley – Marley e Eu

Aqui com certeza você chorou, chorou e chorou por muitos dias. Acompanhamos por longos minutos o cachorrinho bagunceiro crescendo e formando uma família com os personagens de Owen Wilson e Jennifer Aniston. O momento em que o cachorro, já velho, deixa esse mundo para ir ao céu, deixa até esse que vos escreve com vontade de chorar.

Dog GIF - Find & Share on GIPHY

Cena do lixão – Toy Story 3

Toy Story 3 é um grande clássico da Disney/Pixar e muito emocionante do começo ao fim. A cena mais impactante e que deixou todo mundo com os olhos cheios de água com certeza foi a parte do lixão, no qual Woody, Buzz e companhia tentavam fugir para não serem incinerados. Com o cowboy tentando escapar, o astronauta segura a sua mão para desistir, que acaba aceitando o destino e se junta aos amigos para serem destruídos.

Bing Bong – Divertidamente

Bing Bong foi o responsável por fazer muito marmanjo chorar nas sessões de “Divertidamente”. O amigo imaginário se sacrifica para ajudar Alegria a salvar Riley e desaparece, caindo no esquecimento. “Leve ela para a lua”, foi a sua última frase.

Bong GIF - Find & Share on GIPHY

Mãe do Bambi – Bambi

A animação “Bambi” foi lançada em 1942 e a Disney não se preocupou em chocar as crianças, ou até mesmo deixar os adultos tristes com a trágica história do filhote de veado. A cena em si traz a morte da mãe do protagonista, após ser baleada por um caçador enquanto fugia para salvar o seu filho.

Adeus a Dobby – Harry Potter

Dobby, o Elfo Doméstico era um dos personagens mais queridos da saga Harry Potter, tendo grande destaque em “A Câmara Secreta”. Após retornar em “As Relíquias da Morte”, o ser mágico é assassinado por Bellatrix Lestrange e acaba morrendo nos braços de Harry, numa das cenas mais emocionantes de toda a franquia.

Dobby GIF - Find & Share on GIPHY

O filme todo – A Vida é Bela

O longa que se ambienta nos campos de concentração da Segunda Guerra Mundial mostra o personagem Guido fazendo de tudo para que seu filho Giosué não perceba a gravidade do que está acontecendo e o faz pensar que estão participando de um jogo. É lágrima do começo ao fim.

Reprodução

Morte de John Coffey – À Espera de Um Milagre

Para encerrar esse especial cheio de lágrimas, um filme que o deixa chorando feito um bebê recém-nascido: À Espera de Um Milagre. Passamos três horas convivendo com John Coffey e descobrindo que ele foi preso injustamente. Com seus poderes divinos, ele realiza milagres nas vidas dos oficiai, como o vivido por Tom Hanks, mas não consegue se livrar de seu destino: a morte. A cena em que Coffey é eletrocutado tem uma carga emocional enorme e não tem como chorar para caramba.