Netflix se retira do Festival de Cannes após mudança de regra

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2018 16h06
ReproduçãoCena de "Okja", filme original da Netflix"OKJA", filme original da Netflix, foi exibido em Cannes em 2017

A Netflix fez sua estreia no Festival de Cannes em 2017 quando exibiu “OKJA” e “Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe”, mas a gigante de streaming decidiu não inscrever suas produções neste ano por conta de uma nova regra da competição.

A organização do evento determinou que para a inscrição ser válida, os filmes devem obrigatoriamente ser exibidos nos cinemas da França e esperarem ao menos 36 meses para serem disponibilizados em plataformas de streaming – a regra contradiz a lógica da Netflix.

“Queremos que nossos filmes participem em pé de igualdade com todos os outros cineastas. Há um risco em ir por esse caminho e nossos filmes e cineastas serem tratados de forma desrespeitosa no Festival. Eles definiram o tom. Não acho que seria bom para nós participar”, disse Ted Sarandos, diretor de conteúdo da Netflix, em entrevista à Variety.

Para este ano, a Netflix tinha cinco produções com grande potencial para inscrever em Cannes, entre elas estavam “Roma”, de Alfonso Cuarón, e “The Other Side Of The Wind”, filme iniciado por Orson Welles e nunca concluído que foi retomado pela empresa.