0:00
0:00

Vazamento de filmes e séries “vira moda” nos EUA; relembre casos

  • Por Adriano Sarafim/ Jovem Pan
  • 16/05/2017 14h23
Reprodução/MontagemReprodução/MontagemVazamento de filmes e séries "vira moda" nos EUA; relembre casos

Os hackers vêm causando terror nos estúdios de cinema e televisão há alguns anos, divulgando filmes e séries na internet antes de seu lançamento para o público. A vítima da vez é a Disney, que pode acabar vendo o inédito “Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar” ser disponibilizado na web antes de sua chegada aos cinemas, que acontece na próxima semana.

Antigamente, os vazamentos aconteciam apenas por diversão ou por um uma síndrome de Robin Hood – o tal lance de “tirar dos ricos para dar para os pobres” -, mas ultimamente os criminosos vem pedindo um “resgate” para que suas produções não levem um prejuízo milionário com o vazamento.

Recentemente, a Netflix passou pelo mesmo problema com a série Orange Is The New Black. Os hackers pediram uma quantia milionária para que não divulgassem os episódios, solicitação que foi ignorada pela plataforma de streaming. O Resultado? Dez episódios foram jogados na web.

A Jovem Pan buscou outros casos que também foram notícia nos últimos tempos. Game Of Thrones, O Regresso e outras produções já foram vítimas de crimes cibernéticos.

Confira:

Game Of Thrones

Em 2015, a quinta temporada de Game Of Thrones teve seus quatro primeiros episódios vazados na internet, poucas horas antes de seu lançamento mundial.

O Regresso

O ano de 2015 também marcou o vazamento de O Regresso, longa que premiou Leonardo DiCaprio e o diretor Alejandro González Iñárritu no Oscar.

Os Oito Odiados

Junto com a leva de “O Regresso” estava o também esperado “Os Oito Odiados”, último longa lançado por Quentin Tarantino.

Orange Is The New Black

A quinta temporada da série da Netflix teve dez de seus 13 episódios revelados antes do lançamento mundial após a empresa ignorar a chantagem feita pelos hackers, agora em 2017.

Os Mercenários 3

O terceiro filme da franquia liderada por Sylvester Stallone vazou em 2014, três semanas antes de sua chegada aos cinemas. O longa foi baixado mais de 200 mil vezes em apenas dois dias.

X-Men Origens: Wolverine

No ano de 2009, o primeiro filme solo de Wolverine foi disponibilizado um mês antes de seu lançamento oficial. O FBI rastreou o upload do arquivo e prendeu o responsável, que passou um ano atrás das grades.

Corações de Ferro

O filme estrelado por Brad Pitt caiu na rede antes do seu lançamento, em 2014. A produção foi vista mais de 1 milhão de vezes antes de chegar aos cinemas. Além dele, outros cinco longas da Sony tiveram o mesmo destino.