0:00
0:00

Com show de Fagner e Rodriguinho e falta de luz, Corinthians vence o São Bernardo

  • Por Jovem Pan
  • 23/03/2016 23h11
Agência EstadoAgência EstadoNome do jogo
SP - PAULISTÃO/SÃO BERNARDO X CORINTHIANS - ESPORTES - Comemoração do gol de Rodriguinho, do Corinthians, em partida contra o São Bernardo, válida pela 11ª rodada do Campeonato Paulista de Futebol 2016, realizada no estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, nesta quarta-feira. 23/03/2016 - Foto: LEVI BIANCO/BRAZIL PHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Dono da melhor campanha do Campeonato Paulista, o Corinthians mais uma vez mostrou seu poder diante de um adversário do interior de São Paulo nesta quarta-feira (23). Diante do São Bernardo, o time de Tite se aproveitou de uma expulsão do adversário para dominar o segundo tempo e, com grandes atuações de Rodriguinho e Fagner, fazer 3 a 0 fora de casa. Outro destaque foi a queda de luz do estádio, experiência que o Timão já viveu este ano contra o Cobresal, pela Libertadores.

Com as duas equipes bem postadas na defesa, o primeiro tempo foi equilibrado. A primeira chance foi de Rodriguinho, que recebeu lançamento de Giovanni Augusto e chutou nas mãos do goleiro. Aos 22 minutos, Cañete rolou para Marino encher o pé, obrigando Cássio a fazer boa defesa. Depois, o próprio Cañete driblou Yago e, na hora da finalização, chutou fraco para nova defesa do goleiro alvinegro.

O panorama só mudou mesmo aos 39 minutos, quando fez falta boba em Uendel e levou o segundo cartão amarelo, deixando o São Bernardo com um a menos em campo. Antes do intervalo, o Timão teve chance de abrir o placar com Guilherme, que finalizou para defesa de Daniel após cruzamento de Fagner.

Com um a mais, o Corinthians conseguiu se impor na etapa final. Logo aos 3 minutos, Fagner saiu de dois marcadores pelo lado direito e tentou dois cruzamentos para acionar Rodriguinho que, na cara do gol, estufou as redes. Apenas seis minutos depois veio mais um: Rodriguinho recebeu de Guilherme, passou por Walterson e bateu de esquerda para ampliar. Pouco depois de seu show individual, o meia, que já vinha sentindo dores, foi substituído por Maycon.

O São Bernardo ainda conseguiu assustar com Walterson, que quase encobriu Cássio com uma cavadinha. Pouco depois, aos 25 minutos, as luzes do Estádio Primeiro de Maio se apagaram e o jogo teve de ser paralisado. Passaram-se vários minutos até a situação se normalizar e, com o tempo corrido, a bola voltou a rolar aos 47 minutos. Obviamente, o árbitro compensou esse tempo perdido com acréscimos vultuosos.

O Corinthians voltou aceso para o jogo e balançou novamente as redes com André, mas a arbitragem apitou saída de bola pela linha de fundo antes do cruzamento de Giovanni Augusto. Pouco depois, no entanto, não teve jeito. Fagner chegou novamente pela direita e cruzou na cabeça de Lucca, que subiu e testou no canto direito para fazer 3 a 0.

Com 26 pontos em 11 jogos, o Timão segue absoluto no Grupo D do Campeonato Paulista e está quase matematicamente classificado. Na próxima rodada, o adversário será o Ituano, na Capital. Já o São Bernardo se manteve com 13 pontos na quarta colocação do Grupo B, mas ainda com chances de classificação. O próximo desafio será diante do Rio Claro, fora de casa.