0:00
0:00

Corinthians sai na frente, mas cede empate para a Chape em sua estreia no Brasileirão

  • Por Jovem Pan com Estadão Conteúdo
  • 13/05/2017 21h03
MIGUEL SCHINCARIOL/ESTADÃO CONTEÚDOMIGUEL SCHINCARIOL/ESTADÃO CONTEÚDOWellington Paulista comemora o gol marcado para a Chapecoense contra o Corinthians
SP - BRASILEIRÃO/CORINTHIANS X CHAPECOENSE - ESPORTES - Wellington Paulista, da Chapecoense, comemora seu gol em partida contra o Corinthians, válida pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro 2017, na Arena Corinthians, em Itaquera, na zona leste de São Paulo, na noite deste sábado (13). 13/05/2017 - Foto: MIGUEL SCHINCARIOL/ESTADÃO CONTEÚDO

O Corinthians não conseguiu confirmar o favoritismo em casa e ficou no empate por 1 a 1 contra a Chapecoense, neste sábado (13), no Itaquerão, em São Paulo, na estreia do Campeonato Brasileiro. Embalada após a conquista do Paulistão e pela classificação na Copa Sul-Americana, a torcida corintiana lotou a arena, mas os campeões catarinenses não pareceram sentir a pressão e até tiveram oportunidade de voltar para casa com uma vitória. Os centroavantes Jô e Wellington Paulista fizeram os gols do encontro.

Antes de a bola rolar, foram distribuídas faixas para o público com o símbolo das duas agremiações e a frase “eternamente dentro dos nossos corações”, trecho do hino corintiano, em homenagem ao time de Chapecó.

Dentro de campo, a equipe do técnico Fábio Carille voltou a apresentar a dificuldade de propor jogo quando atua em casa. Diante um adversário muito fechado, O Corinthians perdeu por 9 a 3 em finalizações na primeira etapa. E foi em uma de suas poucas chances criadas que Jô abriu o placar, aos 22 minutos. Acionado por Rodriguinho no meio da área, o atacante girou sobre a marcação e deu um toque por cima do goleiro.

Em sua primeira partida pelo Brasileirão após o acidente aéreo na Colômbia, a Chapecoense assustou em vários momentos com rápidos contra-ataques. A defesa do Corinthians ficou ainda mais exposta depois de o zagueiro Pablo sofrer lesão e precisar ser substituído por Pedro Henrique.

Na volta para o segundo tempo, Wellington Paulista mostrou oportunismo e empatou após pegar rebote da trave, aos 10 minutos O lance surgiu exatamente no setor ocupado pelo zagueiro lesionado.

Apesar da entrada em campo dos atacantes Léo Jabá e Kazim, o time alvinegro se limitou a cruzar bolas da área e não conseguiu alterar o marcador.

Opinião JP

Para o comentarista da Jovem Pan, Bruno Prado, o Corinthians teve dificuldade em propor o jogo e acabou sendo surpreendido pela postura da Chapecoense, que soube se defender e quando teve a chance saiu rapidamente no contra-ataque.

“O Corinthians atual lembra o time de 2014 de Mano Menezes. Quando pode defender vai muito bem, mas sofre quando tem a posse de bola. O time em 2014 ganhou as duas do campeão Cruzeiro, mas perdeu pontos para o Figueirense, Bahia e Coritiba. Carille conseguiu recuperar a consistência defensiva do time, perdida no ano passado. O próximo passado agora é melhorar quando tiver que propor o jogo”, analisou.

Bruno Prado se mostrou surpreso com a postura da Chapecoense e fez elogios ao time comandado por Vagner Mancini. “O time da Chapecoense foi bem. Soube se defender e foi muito rápida no contra-ataque”, concluiu.

Ouças os gols da partida entre Corinthians e Chapecoense: