Após dizer “não” a Adriano, São Bento revela interesse em Kaká

  • Por Jovem Pan
  • 25/10/2017 11h47
Orlando City/DivulgaçãoKaká, Orlando CityKaká, 35 anos, deixou o Orlando City e ainda não decidiu o futuro. São Bento quer contratá-lo

O São Bento pensa grande para 2018, ano no qual disputará a elite do Campeonato Paulista e a Série B do Campeonato Brasileiro. Poucos dias depois de rejeitar a chegada de Adriano, o clube de Sorocaba se diz interessado na contratação de Kaká, meia que está sem clube desde que deixou o Orlando City, dos Estados Unidos.

A novidade foi revelada pelo presidente do São Bento. Em entrevista exclusiva a Nilson Cesar para o programa Camisa 10, da Rádio Jovem Pan, Márcio Rogério Dias contou que o clube de Sorocaba quer e teria como viabilizar a contratação do último brasileiro eleito o melhor jogador do mundo. Uma proposta deve ser feita nos próximos dias.

“O Kaká interessa. Conversamos com o nosso técnico, o Paulo Roberto Santos… O Kaká é um jogador em atividade, que tem todo o perfil do São Bento. Seria um projeto novo e daria para viabilizar”, garantiu o mandatário. “É um projeto de levar um clube de uma cidade de 700 mil habitantes a ser a sensação do Campeonato Paulista e da Série B, buscando a elite do futebol brasileiro… Seria uma ótima também para o Kaká, um projeto novo, uma audácia nova, um casamento maravilhoso. Por que não?”.

O São Bento acredita na possibilidade de viabilizar o “projeto Kaká” porque está prestes a fechar um contrato de patrocínio máster com um banco. O Azulão vai disputar a Série B após 34 anos e quer se consolidar como um dos 40 melhores clubes do País. A chegada do meia, mesmo aos 35 anos, envolveria os departamentos de futebol e de marketing do São Bento e ajudaria nesse objetivo.

 

“Temos duas empresas multinacionais e uma proposta de um banco para que nós possamos investir em um determinado atleta. O nome de consenso é o do Kaká. Se tivermos a oportunidade de conversar pessoalmente com ele e passar toda a história do nosso clube, que é centenário, será sensacional”, afirmou Márcio Rogério Dias.

A inspiração para esse ousado projeto veio do futsal. Lenda da modalidade, Falcão joga no Magnus Sorocaba desde 2014, e o caso é um exemplo de sucesso. Falcão virou ídolo da cidade, e o patamar esportivo da região foi elevado. Por isso, na visão do São Bento, os próprios empresários de Sorocaba contribuiriam para a possível chegada de Kaká.

“Você vê o Falcão no futsal… Ele veio para Sorocaba e está conquistando tudo. É um mito na cidade! Olha o que entra de propaganda para o Falcão em Sorocaba… Os próprios empreendedores da cidade abraçariam a ideia de ter o Kaká por aqui. Por que não pode dar certo?”, questionou o presidente do Azulão.

Ainda assim, Kaká não passa de um sonho distante para o São Bento. O meia, que não renovou com o Orlando City, vai decidir o futuro no fim do ano, e tudo leva a crer que ele irá reforçar o São Paulo em 2018. Tanto o jogador quanto o clube tricolor já acenaram positivamente para essa possibilidade.

Folhapress