A partida entre Bastia e Lyon pelo Campeonato Francês foi adiada neste domingo por falta de segurança. Os torcedores do Bastia arrumaram confusão desde antes do início do confronto. O duelo chegou a ser iniciado com uma hora de atraso, mas, por conta de brigas que ocorreram no intervalo, os organizadores optaram pelo adiamento.

Os problemas começaram quando o Lyon foi para o gramado fazer aquecimento. Os torcedores locais invadiram o campo e partiram para cima dos atletas, que precisaram fugir para o vestiário. Ninguém se feriu.

Segundo o ex-jogador do Lyon Jeremy Berthod, que acompanhava a partida no local, os torcedores rivais atiraram bolas no goleiro reserva Mathieu Gorgelin. O atacante Memphis Depay mandou as bolas de volta para a arquibancada.

Então dezenas de torcedores decidiram pular o alambrado e partir para cima dos atletas, que foram em direção ao vestiário. "Os jogadores tentaram permanecer juntos. O elenco e a comissão técnica ficaram em choque", disse Berthod à TV oficial do Lyon.

Por causa dos problemas, a partida começou com uma hora de atraso. O primeiro tempo sem novos acidentes. No intervalo, torcedores voltaram a invadir o gramado. Os jogadores do Lyon se recusaram a retornar para a partida.

Temendo pela segurança dos atletas, os delegados da partida e a prefeitura local optaram pelo adiamento. "Por causa de um novo incidente produzido no final da primeira etapa, a LFP decidiu parar definitivamente a partida entre Bastia e Lyon", informaram os organizadores da partida, por meio de comunicado. 

A origem da confusão entre os dois times, no entanto, não é de hoje. No duelo de ida pela competição, em 5 de novembro, as equipes travaram uma partida bastante dura. O Lyon venceu por 2 a 1, mas os jogadores do Bastia reclamaram bastante da arbitragem. O então técnico François Ciccolini avisou que a partida de volta poderia ser explosiva.

É a segunda vez na semana que o Lyon se envolve com cenas de violência com torcedores. No duelo em casa contra o Besiktas, pela Liga Europa, torcedores do time visitante chegaram a invadir o campo. A partida atrasou em 45 minutos por conta da confusão e acabou em vitória por 2 a 1 do Lyon.

A comissão de segurança da Uefa anunciou a abertura de procedimento disciplinar contra as duas equipes. O Lyon pela falta de segurança em seu estádio e o Besiktas por conta da agressividade de seus torcedores.