A uma semana da primeira partida da semifinal da Liga dos Campeões, o Real Madrid confirmou nesta terça-feira que o meia-atacante galês Gareth Bale lesionou a panturrilha esquerda. No último domingo, durante a derrota para o Barcelona por 3 a 2 no clássico válido pelo Campeonato Espanhol, no estádio Santiago Bernabéu, ele precisou deixar o campo ainda no primeiro tempo. 

Apesar de o clube não ter estipulado um tempo previsto de recuperação para Bale, a lesão, confirmada como de grau 2 (que normalmente costuma exigir de três a quatro semanas de afastamento), pode tirar o astro das partidas da semifinal da Liga dos Campeões, contra o Atlético de Madrid. O jogo de ida acontece na próxima terça, no estádio do Real, enquanto o segundo está marcado para dia 10 de maio, uma quarta-feira, no Vicente Calderón.

Bale não participou do treino desta terça-feira, o último antes do jogo desta quarta contra o Deportivo La Coruña, fora de casa, às 16h30 (horário de Brasília), pela 34ª rodada do Campeonato Espanhol.

Em entrevista coletiva nesta terça, o técnico Zinedine Zidane lamentou a lesão de Bale, mas qualificou a mesma como "pouca coisa". "Ele estava 100%, como me confirmou nos treinos antes da partida (contra o Barcelona). Houve dano e não podemos estar contentes, mas é pouca coisa", disse.

Questionado por ter escalado Bale contra o Barcelona, já que o galês ainda estaria em fase final de recuperação de uma outra lesão, na panturrilha direita, Zidane disse que faria o mesmo de novo, pois tinha a garantia de que o jogador podia estar em campo. 

"Logo isso vai passar. São coisas do futebol que não podemos evitar. Quando há uma lesão maior e voltar a jogar se torna difícil, o tempo de recuperação não é o mesmo, mas esperamos que (o retorno) seja rápido", disse.

VARANE - Além de Bale, o Real Madrid não poderá contar para a partida desta quarta-feira em La Coruña com os zagueiros Pepe, também lesionado, e Sérgio Ramos, que tomou cartão vermelho no jogo contra o Barcelona e cumprirá suspensão. Possível solução para segurar o ataque do time da casa, o defensor francês Raphael Varane poderá ser titular após se recuperar de lesão.

Segundo Zidane, Varane está fisicamente bem e viaja a La Coruña, mas o treinador evitou confirmar a escalação do seu compatriota. O zagueiro volta a ficar à disposição depois de amargar duas lesões seguidas no mesmo braço esquerdo. "Ele não sente mais dores. Está treinando e seguramente vai estar com a gente amanhã", disse o treinador, se referindo ao fato de que no mínimo o jogador estará entre os reservas.