O Palmeiras não para de se reforçar para a próxima temproada. Depois de Hyoran, Keno, Raphel Veiga e Guerra, o clube alviverde anunciou a contratação de mais um reforço para 2017: Michel Bastos.  

Em nota publicada no seu site oficial, o Palmeiras informou que o meia de 33 anos firmou vínculo de dois anos com o clube, que ainda terá a opção de renovação por mais uma temporada.

Ele chega sem custos ao Palmeiras, uma vez que entrou em acordo com o São Paulo para deixar o clube também de graça.

No Palmeiras, Michel Bastos deve ganhar um salário semelhante ao que recebia no São Paulo: em torno de R$ 300 mil.

Michel tem o perfil que a comissão técnica do Palmeiras procura para 2017. É um jogador "cascudo", com talento e experiência internacional.  

Ele já adiantou que prefere jogar do meio para a frente, mas avisou que pode, eventualmente, ser escalado na lateral - Zé Roberto, com 42 anos, não deve aguentar jogar todas as partidas.  

Para deixar o São Paulo, Michel abriu mão de cerca de R$ 4 milhões, entre salários e direitos de imagem. Ele não joga desde agosto, quando foi agredido por torcedores após a invasão do CT.