O São Paulo fez uma proposta ao Betis, da Espanha, para adquirir 50% dos direitos econômicos do volante Petros. A oferta é de cerca de 2,4 milhões de euros (aproximadamente R$ 8,7 milhões), próxima do que o clube de Sevilha gostaria de obter para liberar o jogador e buscar novas contratações.

O valor é quase o dobro do que o Betis pagou dois anos atrás, quando contratou o meio-campista que estava no Corinthians. Há cerca de um mês, o Palmeiras ofereceu R$ 5,1 milhões, mas o Betis achou a proposta muito baixa. Depois, o time alviverde acertou a contratação de Bruno Henrique, do Palermo.

A diretoria do clube brasileiro havia feito uma sondagem há algumas semanas e retomou a negociação para tentar contratar o meio-campista, que fez uma boa temporada na equipe e tem bastante moral com a torcida. Agora, o São Paulo aguarda uma resposta do Betis e a expectativa de concretizar o negócio é boa.

Petros, de 28 anos, jogou no Corinthians entre 2014 e 2015 e disputou duas temporadas pelo Betis, clube que terminou em 15º lugar no último Campeonato Espanhol. Ele está de férias no Brasil e esperando uma definição da situação. A janela de transferência do exterior para o Brasil abre na próxima terça-feira.