FPF nega interferência externa após Palmeiras publicar vídeo

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2018 13h25
Rodrigo Gazzanel Ag. CorinthiansArbitragem foi alvo de muitas reclamações na final do Paulistão

Na tarde desta quarta-feira (11), a Federação Paulista de Futebol publicou uma nota oficial negando as acusações do Palmeiras sobre o incidente de interferência externa da arbitragem na final do Campeonato Paulista de 2018. Na nota, a Federação rejeita a participação de qualquer diretor no cancelamento do pênalti em Dudu e também nega qualquer tipo de influência.

Confira a nota na íntegra:

São Paulo, 10 de abril de 2018

“Em respeito ao torcedor, a Federação Paulista de Futebol vem novamente a público prestar os seguintes esclarecimentos:

1- Como responsável pela avaliação da equipe de arbitragem, Dionísio Roberto Domingos estava legitimado a permanecer no entorno do gramado, onde ficou durante a partida inteira. Nem ele nem nenhum diretor da entidade teve qualquer influência na decisão da equipe de arbitragem na final do Campeonato Paulista de 2018;

2- As imagens veiculadas pelo site da Sociedade Esportiva Palmeiras não provam nenhuma interferência externa na decisão dos árbitros, de voltar atrás na marcação de um pênalti inexistente;

3- A FPF lamenta qualquer ação que vislumbre modificar o resultado de campo nos tribunais;

4- Por fim, a FPF informa que está atenta às reivindicações feitas pelo Palmeiras por meio da imprensa e afirma que, em coerência com todas a atitudes desta gestão, colocará as propostas em pauta para que os clubes, soberanamente e em colegiado, decidam a respeito da gravação das conversas entre os árbitros e da adoção do VAR para o Paulistão-2019.

Reinaldo Carneiro Bastos”

Presidente da Federação Paulista de Futebol