Porto goleia o Monaco e se classifica na Liga dos Campeões; Besiktas lidera grupo

  • Por Estadão Conteúdo
  • 06/12/2017 20h00

Divulgação UEFA

Jogadores do Porto comemoram o gol marcado pelo brasileiro Alex Telles

Com um grande poder ofensivo, liderado pelo centroavante camaronês Vincent Aboubakar – autor de dois gols -, o Porto conseguiu nesta quarta-feira (6) a sua classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa ao golear o Monaco, atual campeão francês, por 5 a 2, no estádio do Dragão, na Cidade do Porto, pela sexta e última rodada do Grupo G. O time português passou na segunda colocação e só ficou atrás do surpreendente Besiktas, da Turquia, que foi à Alemanha e bateu o RB Leipzig por 2 a 1.

Com 14 pontos, o Besiktas terminou a fase de grupos com quatro a mais que o Porto. Nesta segunda-feira, a partir das 9 horas, os dois conhecerão os seus adversários nas oitavas de final com o sorteio na sede da Uefa, em Nyon, na Suíça. O RB Leipzig, que disputava a segunda colocação com os portugueses, terminou em terceiro com 7 pontos e agora jogará a segunda fase eliminatória da Liga Europa. Na lanterna, com dois, ficou o Monaco.

Em Portugal, o Porto foi arrasador e Vincent Aboubakar tratou de praticamente garantir a vitória ainda no primeiro tempo com seus gols aos 9 e aos 33 minutos. Pouco depois, o zagueiro brasileiro Felipe, ex-Corinthians, foi expulso por discussão com o atacante rival Rachid Ghezzal, que também levou o cartão vermelho.

Com mais espaço em campo, o Porto se deu melhor e fez o terceiro ainda antes do intervalo, aos 45 minutos, com Yacine Brahimi. Na segunda etapa, o Monaco diminuiu com Kamil Glik, em cobrança de pênalti aos 16, o lateral-esquerdo brasileiro Alex Telles fez o quarto para os portugueses quatro minutos depois, Falcao García anotou o segundo dos franceses aos 33 e, por fim, Tiquinho definiu a goleada aos 43.

Na Alemanha, o Besiktas começou de forma arrasadora e abriu o placar logo aos 10 minutos em cobrança de pênalti do espanhol Alvaro Negredo. O RB Leipzig buscou o ataque o tempo todo e só conseguiu o empate no final, aos 42, com Naby Keita. Só que os turcos contaram com a estrela do atacante brasileiro Anderson Talisca, ex-Bahia, que definiu a vitória dos visitantes aos 45 minutos.