São Paulo e Santos têm piores aproveitamentos de times do Brasileirão nos estaduais

  • Por Jovem Pan
  • 10/04/2018 10h30
Lucas Figueiredo/CBFTimes vão começar disputa pela taça do Campeonato Brasileiro no sábado (14)

Finalmente chegou a hora de pensar no Campeonato Brasileiro de 2018. Então é importante avaliar como foi a preparação de cada clube até agora. E neste quesito São Paulo e Santos podem ficar preocupados: eles têm os piores aproveitamentos nos estaduais entre todos times que vão disputar a Série A. São os únicos abaixo de 50% e ficaram exatamente iguais nesta média: 47,9% de aproveitamento de pontos.

É claro que nessa análise é preciso fazer uma observação: São Paulo e Santos disputam um campeonato estadual que é considerado o mais difícil do Brasil. Mas mesmo assim os desempenhos ruins dos times não podem ser ignorados.

O São Paulo disputou 16 jogos, venceu 7, empatou 2 e perdeu outros 7. Teve uma dificuldade extra, que foi a troca de treinador. Dorival Jr. caiu, Diego Aguirre chegou e até agora houve pouco tempo para encaixar um novo time. No Paulistão o time foi eliminado por pouco na semifinal, pelo campeão Corinthians. Na Copa do Brasil a equipe chegou até a 4ª fase, mas perdeu para o Atlético-PR no jogo de ida. Em nenhum momento do ano o São Paulo convenceu a torcida e há críticas sobre as contratações feitas na temporada.

O Santos teve uma campanha parecida: em 16 jogos conseguiu 6 vitórias, 5 empates e 5 derrotas. Também foi eliminado nos pênaltis por um rival, o Palmeiras. O técnico Jair Ventura precisa resolver problemas em todos setores do time. Mas está invicto na Copa Libertadores, após 3 jogos, o que lhe dá tranquilidade no cargo.

Entre os outros times paulistas, não há um grande destaque. O Palmeiras teve a melhor campanha do estadual, mas não se destaca quando é comparado com outros times da Série A – fica apenas em 8º. O Corinthians, que teve muitos obstáculos para ser campeão, está fora até do top 10 de melhores campanhas, em 11º.

O líder desse ranking de aproveitamento nos estaduais é o Atlético-PR. Trata-se de algo surpreendente, pois o time poupou muitos jogadores importantes durante todo estadual. Muitos jovens foram escalados e nem o técnico principal (Fernando Diniz) comandou a equipe. Mas mesmo assim a equipe comandada por Tiago Nunes conquistou 91,6% dos pontos e foi campeã paranaense.

Atrás dele aparecem Cruzeiro e Atlético-MG, que normalmente apresentam muita superioridade em relação aos outros times do estado. Bahia, Ceará e Chapecoense foram campeões e também aparecem com bom aproveitamento, mas disputam estaduais normalmente mais fracos – portanto devem ter mais dificuldades contra equipes mais fortes, na Série A.

Além de São Paulo e Santos, outros times tradicionais que tiveram aproveitamento ruim nos estaduais são Internacional, Botafogo e Grêmio. Curiosamente, os dois últimos foram campeões estaduais. Mas começaram mal nas competições e por isso ficaram com média baixa de pontos.

Veja a tabela completa de aproveitamento dos times da Série A nos estaduais:

1. Atlético-PR: 91,6%
2. Cruzeiro: 85.4%
3. Atlético-MG: 83,3%
4. Bahia: 76,9%
5. Ceará: 72,2%
6. Chapecoense: 71,9%
7. Flamengo: 71,1%
8. Palmeiras: 70,3%
9. Vitória: 66,6%
10. Fluminense: 61,9%
11. Corinthians: 59,2%
12. Sport: 58,9%
13. Vasco: 57,7%
14. América-MG: 57,1%
15. Grêmio: 56,8%
16. Botafogo: 54,9%
17. Inter: 53,8%
18. Paraná: 52,7%
19. São Paulo: 47,9%
20. Santos: 47,9%