A Seleção Brasileira segue na liderança do ranking da Fifa. Após reassumir a dianteira da lista em abril, posto que não ocupava há sete anos, a equipe manteve a dianteira na atualização de maio, divulgada nesta quinta-feira e que não apresenta qualquer mudança na relação das 23 melhores seleções do mundo.

A falta de mudanças no ranking da Fifa ocorreu principalmente porque as principais seleções da América do Sul e da Europa não tiveram compromissos no mês de abril. Ainda assim, o Brasil ampliou ligeiramente a sua vantagem, pois subiu de 1.661 pontos para 1.672, enquanto a segunda colocada, a seleção da Argentina, permaneceu com 1.603. 

O ranking da Fifa leva em consideração os resultados em um ciclo de quatro anos, com peso maior para os confrontos mais recentes. Assim, o Brasil segue à frente, fruto especialmente do desempenho da equipe sob o comando de Tite, com oito vitórias consecutivas nas Eliminatórias Sul-Americanas, além de ter triunfado em um amistoso, desempenho que classificou a equipe antecipadamente para a Copa do Mundo de 2018. 

Campeã mundial em 2014 no Brasil, a Alemanha é a terceira colocada no ranking, com 1.464 pontos. O Chile, que venceu as duas últimas edições da Copa América, está na quarta posição, com 1.411 pontos, seguida pela Colômbia, que soma 1.348. O Top 10 do ranking da Fifa é completado, em ordem, por França, Bélgica, Portugal, Suíça e Espanha. 

Seleção anfitriã da Copa do Mundo de 2018, a Rússia ocupa a modesta 61ª posição no ranking da Fifa. A próxima atualização da lista será publicada em 1º de junho, às vésperas da disputa da Copa das Confederações, em solo russo, e de compromissos de algumas equipes pelas Eliminatórias da Copa - o torneio classificatório da Conmebol só será retomado no final de agosto.

Em junho, a Seleção Brasileira vai disputar dois amistosos. A equipe duelará com a Argentina no dia 9 e depois vai encarar a Austrália, hoje a número 50 do mundo, no dia 13. Os dois compromissos estão agendados para Melbourne. 

Confira os 20 primeiros colocados do ranking da Fifa: 

1º - Brasil, 1.672 pontos
2º - Argentina, 1.603
3º - Alemanha, 1.464
4º - Chile, 1.411
5º - Colômbia, 1.348
6º - França, 1.294
7º - Bélgica, 1.281
8º - Portugal, 1.259
9º - Suíça, 1.212
10º - Espanha, 1.204
11º - Polônia, 1.183
12º - Itália, 1.165
13º - País de Gales, 1.119
14º - Inglaterra, 1.103
15º - Uruguai, 1.097
16º - México, 1.076
17º - Peru, 1.044
18º - Croácia, 1.016
19º - Egito, 910
20º - Costa Rica, 902