0:00
0:00

Na volta de Cuca, Borja desencanta e Palmeiras goleia o Vasco por 4 a 0

  • Por Jovem Pan
  • 14/05/2017 18h02
WERTHER SANTANA/ESTADÃO CONTEÚDOWERTHER SANTANA/ESTADÃO CONTEÚDOJogadores do Palmeiras comemoram o primeiro gol de Borja na vitória sobre o Vasco
SP - BRASILEIRÃO/PALMEIRAS X VASCO - ESPORTES - - Jogadores do Palmeiras comemoram o gol de Borja na partida contra o Vasco, válida pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017, no Allianz Parque, em São Paulo, neste domingo (14). 14/05/2017 - Foto: WERTHER SANTANA/ESTADÃO CONTEÚDO

Cuca e sua calça vinho voltaram ao Allianz Parque. E junto a vitória e o bom futebol do Palmeiras. Neste domingo (14), na estreia do Brasileirão 2017, o time alviverde não deu chances para o Vasco da Gama e saiu de campo com uma grande vitória: 4 a 0. O resultado conquistado pelo atual campeão brasileiro colocou o Verdão entre os líderes da competição nacional.

O Palmeiras começou o duelo à moda Cuca. Indo para cima, pressionando a saída de bola do adversário e abrindo o placar logo nos primeiros minutos: aos 4, o zagueiro Jomar derrubou Dudu na área e o juiz marcou pênalti. Na cobrança, o lateral Jean guardou a bola no fundo da rede.

Apesar da vantagem e da boa marcação, o Verdão encontrou uma certa dificuldade para voltar a assustar o goleiro Martin Silva. Os erros na saída de bola e na troca de passes no meio de campo, principalmente com Tchê Tchê, impediam que o time ampliasse o marcador. O Vasco teve três oportunidades, mas parou em Fernando Prass.

Cuca, atento, corrigiu o erro a tempo e inverteu Tchê Tchê com Jean. E foi justamente dos pés da dupla que nasceu o segundo gol alviverde. Aos 40, o camisa 8 deu bom passe para Jean, que bateu forte. Martin Silva defendeu, mas no rebote, Guerra apareceu livre para empurrar para o gol. Gilberto ainda tentou tirar em cima da linha, mas não conseguiu.

Assim como aconteceu na etapa inicial, no segundo tempo, o Palmeiras voltou pressionando o time do Vasco da Gama. E logo no primeiro minuto, o time da casa chegou ao terceiro gol, para alegria dos 33.405 torcedores presentes no Allianz Parque. Tchê Tchê subiu pelo lado direito do ataque e cruzou para Borja, livre, completar de cabeça para o fundo da rede.

Com a boa vantagem no placar, o Palmeiras passou a dominar completamente a partida. O Vasco assustado, não conseguiu segurar o time alviverde e viu o time de Cuca criar várias chances, especialmente com Dudu. Aos 14 e 17, o atacante e capitão ficou cara a cara com Martin Silva, mas desperdiçou as duas oportunidades.

Se não deixava a sua marca com gol, Dudu levava perigo em todas as jogadas que puxava pelo lado de campo. Aos 33, o camisa 7 escapou pela direita e ao entrar na área foi novamente derrubado por Jomar. Mais um pênalti para o Palmeiras. Dessa vez quem cobrou foi o colombiano Borja, que bateu firme no canto direito de Martin Silva e ampliou, fechando a goleada do Palmeiras.

Opinião JP

Para os comentaristas da Jovem Pan, o Palmeiras fez por merecer a goleada diante do Vasco pelo que apresentou no segundo tempo. Flávio Prado e Mauro Beting elogiaram a postura do time de Cuca, que soube se impor e aproveitou as oportunidades que teve ao longo do jogo.

“O segundo tempo justifica a goleada do Palmeiras. No primeiro, o time não foi tão bem, marcou dois gols, mas levou alguns sustos. Mas, no segundo tempo foi um passeio. A gente esperava uma vitória do Palmeiras com facilidade e vimos isso na etapa final”, disse Flávio Prado.

Mauro Beting classifica a vitória do Palmeiras como uma das melhores exibições do time na temporada 2017. Para o comentarista da Jovem Pan, o time aproveitou as chances que criou ao longo da partida e soube controlar as chegadas do Vasco.

“O Palmeiras conseguiu dominar amplamente o jogo, especialmente na segunda etapa. Se 2 a 0 era muito no primeiro tempo, 4 a 0 ficou pouco pelo o que o time fez na segunda etapa. Com ou sem a calça vinho, hoje vimos um jogo de campeão do atual campeão brasileiro”, analisou.

Ouça os gols da partida entre Palmeiras e Vasco: