0:00
0:00

“Sainz atrapalhou a minha volta de propósito”, diz Felipe Massa em Interlagos

  • Por Estadão Conteúdo
  • 11/11/2017 19h45

Fórmula 1 GP do Brasil Felipe Massa

Felipe Massa acabou terminando o treino classificatória na nona posição

Felipe Massa deixou a pista do Autódromo de Interlagos irritado com o espanhol Carlos Sainz Jr. neste sábado (11). Ao fim do treino classificatório do GP do Brasil de Fórmula 1, o brasileiro afirmou que o rival da equipe Renault o atrapalhou de propósito durante o Q3, a terceira etapa da classificação. Massa pediu até punição ao piloto da Espanha.

O atrito entre os dois pilotos teve origem no começo do Q3, quando Massa tentava uma volta rápida. Mas Sainz o atrapalhou, o que acabou sacrificando a tentativa do brasileiro. Na sequência, o piloto da Williams não conseguiu repetir o bom rendimento que vinha exibindo tanto no Q1 quanto no Q2.

“Ele tirou uma volta minha. Muitos carros fizeram a melhor volta no começo do Q3 porque começou a garoar em seguida. Sem dúvida, atrapalhou a minha posição de largada. Merecia uma punição porque ele me atrapalhou de propósito. E, para mim, isso não é certo. Mas provavelmente não terá a punição”, afirmou o brasileiro.

Segundo Massa, o espanhol teria admitido a interferência proposital quando foi questionado pelo próprio brasileiro ao fim do treino. “Eu disse: ‘Você me atrapalhou por querer’. Ele me disse que eu tinha atrapalhado ele muitas vezes no fim de semana todo. Mas [dar o troco] na classificação? E por querer ainda? E ele concordou com o que eu falei no final. Lógico que não deve ter sido isso o que ele falou para vocês”, disse o piloto da Williams, dirigindo-se aos jornalistas.

Em entrevista à imprensa, Sainz disse ter ficado surpreso com as declarações do brasileiro. “Não entendi muito bem as acusações e toda a repercussão que aconteceu. Talvez ele tenha me entendido mal. Falamos muito sobre o treino livre, mas não sobre o classificatório. Ele esteve no meu caminho várias vezes durante os treinos livres e uma vez na classificação”, afirmou o espanhol.

Além da dificuldade com o tráfego, Massa cometeu um erro na mesma volta da interferência de Sainz. Em seguida, sofreu para alcançar os rivais no Q3. Acabou com o 10º tempo. No entanto, vai largar da nona colocação por conta de punição a rivais.

Neste domingo (12), o brasileiro fará sua segunda e definitiva despedida do Autódromo de Interlagos como piloto da Fórmula 1. Ele vai deixar a categoria depois da disputa do GP de Abu Dhabi, no dia 26, porque não conseguiu renovar o contrato com a Williams.