0:00
0:00

Terry marca e falha, mas Fábregas define vitória do campeão Chelsea no Inglês

  • Por Estadão Conteúdo
  • 15/05/2017 18h21
Reprodução-TwitterReprodução-TwitterJohn Terry fez seu último gol com a camisa do Chelsea diante do Watford

O Chelsea foi recebido por sua torcida pela primeira vez após garantir o título inglês, fez festa para John Terry, mas viu Fábregas ser o grande herói do triunfo por 4 a 3 sobre o Watford, em Stamford Bridge. Em uma partida bastante movimentada nesta segunda-feira, os campeões da temporada empolgaram a torcida, que acompanhou um dos últimos capítulos da trajetória do lendário zagueiro pelo clube.

E Terry foi um dos grandes personagens da partida, ao ir de herói a vilão no primeiro tempo em minutos. Foi dele o gol que abriu o placar no início, mas logo depois, ainda visivelmente emocionado, o zagueiro cometeu erro crasso que culminou no empate. Autor do gol do título na vitória sobre o West Bromwich, na sexta passada, Batshuayi também deixou sua marca, mas foi Fábregas quem garantiu o triunfo já aos 42 minutos do segundo tempo.

Com a conquista garantida, Antonio Conte levou o time a campo repleto de reservas, até pensando na decisão da Copa da Inglaterra, dia 27, diante do rival Arsenal. No domingo, no entanto, a equipe encerra a participação no Inglês contra o Sunderland, novamente em casa, no que provavelmente será a última partida de Terry pelo clube.

Embalado pelo título, o Chelsea foi para cima e abriu o placar aos 21 minutos. Willian cobrou escanteio da direita, Zouma não conseguiu finalizar para o gol e a bola sobrou no meio da área. John Terry, então, se jogou e bateu de esquerda, meio sem jeito. A bola ainda tocou na trave e entrou.

Se despedindo do clube onde virou ídolo, Terry se emocionou, e o sentimento que tomou conta dele pareceu desconcentrá-lo. Isso porque apenas dois minutos depois, o zagueiro se atrapalhou ao tentar afastar uma bola de cabeça e praticamente tocou para Kaboul, que finalizou para a rede e deixou tudo igual.

Aos 35 minutos, Janmaat tirou de cabeça após cobrança de escanteio da esquerda, mas não afastou o perigo. Azpilicueta dominou da entrada da área e bateu cruzado, para a rede.

A vantagem ficou ainda maior logo na volta para o segundo tempo, e com o improvável herói do título. Após escanteio da esquerda, em cobrança ensaiada, Kenedy tentou da entrada da área, a bola desviou na zaga e sobrou limpa para Ake, que tocou para Batshuayi bater para o gol vazio.

A vitória parecia definida, mas aí o Watford reagiu para chegar ao empate. Aos cinco minutos, Janmaat aproveitou bela troca de passes, invadiu a área pela esquerda, cortou Ake como quis e tocou na saída do goleiro para marcar belo gol. Já aos 27, Okaka ficou com a sobra após bate-rebate na área e finalizou com precisão.

O Chelsea parecia confortável com o empate, até porque o Watford ocupava mais o campo de ataque. Mas aos 42 minutos, Fábregas, que havia acabado de entrar, recebeu passe de Willian e bateu para o chão. A bola ganhou velocidade e morreu no canto direito de Gomes, que demorou para cair, selando o triunfo dos donos da casa.