Horácio Lafer Piva, 56 anos, é acionista da Klabin e já foi presidente da Sabesp e da Fiesp. Formado em Economia e pós-graduado em Administração de Empresas. Membro do Conselho de Administração das Indústrias Klabin, BHG, TCP, Martins, Grupo Baumgart e Tarpon. Membro do conselho consultivo da Rede, Brasilpar e Spread. Foi membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República. Além de Fiesp e Sebrae, foi presidente do SESI, do Senai, do Comite de Politica Economica da CNI, da Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa) e da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD). 

O que fazer por um Brasil Melhor?

Piva acredita que devemos “aproveitar as oportunidades” para construir um Brasil Melhor.

Na visão de Piva, fazemos “muitos diagnósticos e acabamos agindo menos do que deveríamos”. Além disso, o próprio Estado é ausente e não delimita direitos e deveres como deveria. Também há que se ter mais dinâmica de longo prazo, como algum planejamento para minimizar as distorções sociais.

Piva pede também mais créditos para incentivar a indústria e que sejam feitas as “reformas que são faladas a torto e à direito, mas não acontecem”.

O empresário sugere ainda o investimento em universidades, pois é o caminho para trazer de volta pessoas à margem da sociedade. Lafer Piva finaliza com uma visão otimista e diz que “o mundo não vai acabar”, mas, sim, o “Brasil vai andar para frente”.