0:00
0:00

Brasil tem que passar por mudanças culturais, considera Dr. Krieger

  • Por Jovem Pan
  • 27/07/2015 12h11
João Wainer/FolhapressJoão Wainer/FolhapressDr. José Eduardo Krieger
Detalhe do avental do pesquisador José Eduardo Krieger, 43, diretor do Laboratório de Genética e Cardiologia Molecular do Incor (Instituto do Coração) da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo (SP). (São Paulo, SP, 17.09.2004. Foto: João Wainer/Folhapress)

O vice-presidente da Comissão Científica e diretor do laboratório de genética e cardiologia molecular do Incor, Dr. José Eduardo Krieger, afirmou em entrevista à Jovem Pan que mudança cultural é um dos caminhos para um país melhor. “O Brasil que eu quero é um Brasil mais justo para todos nós e um Brasil onde as potencialidades de cada um possam ser melhor exploradas. Como é que a gente vai chegar nesse Brasil? Para mim passa inclusive por algumas mudanças culturais”, disse.

Para Krieger, o brasileiro tem uma grande dificuldade de entender que coisas diferentes são diferentes: “quando a gente começar a entender isso, eu acho que vamos começar a funcionar melhor enquanto sociedade e poder direcionar esse potencial que cada um de nós pode ter”.