O primeiro semestre de 2013 registrou 77 latrocínios na cidade de São Paulo. O índice representa uma crescimento de 37,5% no comparativo com os seis primeiros meses do ano passado. Naquela época, foram 56 roubos seguidos de morte na capital. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (25) pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

De acordo com a pasta, apenas no mês de junho houve 9 crimes de latrocínio; em maio, existiram 14. Em relação ao crime de estupro, o crescimento foi de 10% (1.621 casos) na primeira metade de 2013. Os casos de homicídios dolosos cresceram 5%, com 615 registros.

O balanço ainda indicou crescimento no número de roubos, com 11.214 notados. O aumento corresponde a 12,88% no comparativo mensal de junho e a 3,2 pontos percentuais quando considerado o semestre.