Polícia de São Paulo detém um menor acusado de envolvimento na morte de um Guarda Civil Metropolitano no último dia 9 deste mês.

O jovem de 17 anos estava escondido na casa da mãe no Jardim Santa Etelvina, na zona leste da capital paulista.

Ao ser identificado pelos policiais na noite desta quarta-feira, ele tentou fugir, mas acabou detido e levado para o 68º Distrito Policial, de Lageado. Ao prestar depoimento, o menor confessou envolvimento no crime e revelou os nomes dos outros envolvidos.

Ele também relatou que não atirou contra a vítima. O jovem já tinha passagem pela Fundação Casa.

Na ocasião, o GCM Marcos Roberto de Oliveira foi morto após abordar um grupo que estava vandalizando o muro de uma escola.

Os outros três envolvidos neste assassinato, que já foram identificados pela polícia, seguem foragidos.

*Informações do repórter Bruno Escudero