Conselheiro diz que violência em Charlottesville foi terrorismo

  • Por Estadão Conteúdo
  • 13/08/2017 11h25
EFEAtropelamento em Charlottesville, na Virgínia, nos Estados Unidos, matou uma pessoa e deixou 19 feridos

O conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, H.R McMaster, disse que a violência em Charlottesville, Virginia, pode ser definida como “terrorismo”. Ele disse ao programa “This week” do canal ABC que sempre que se promove um ataque contra pessoas para incitar o medo, é terrorismo.

Uma pessoa morreu no sábado, quando a tensão aumentou, durante a manifestação da supremacia branca. H.R. McMaster disse que foi um ato criminoso contra os americanos. “Ato criminoso que pode ter sido motivado – e veremos o que está acontecendo na investigação – por ódio e fanatismo, que, como mencionei, temos que extinguir da nossa nação”.