0:00
0:00

O dia em que o Morning Show e o Pânico deram rolê de Uber

  • Por Jovem Pan
  • 14/11/2017 14h14
Andar nas grandes cidades brasileiras ficou mais fácil com a chegada dos apps de transporte

Andar nas grandes cidades brasileiras ficou mais fácil com a chegada dos apps de transporte, categoria na qual a Uber nada de braçada. Para ver como é que rola o rolê de Uber, o Bola, do Pânico, e a Paula Carvalho foram para a rua para acompanhar dois motoristas do aplicativo e ver como a banda toca.

“Já teve pedido de casamento e já tive de levar sapato de noiva fazendo viagem”, contou o Rodrigo, um dos 500 mil motoristas parceiros que decidiram virar os próprios patrões e que agora ganham a vida ou fazem uma renda extra ajudando as pessoas a se locomoverem. ”Eu fico passeando pela cidade, escutando uma música, com o ar condicionado ligado, tranquilamente”, disse Rodrigo –  que agora, como é o próprio chefe, dirige no horário que quiser.

“Teve uma vez que um usuário me fez um pedido inusitado. Ele disse: Rodrigo, preciso que você coloque a música “My Way”, do Frank Sinatra, quando der meia-noite”, conta. “Aí, a gente foi buscar a noiva dele e eis que, à meia-noite, ele me pede ela em casamento”. 

No carro do seu Ademir

Saindo da rádio, a Paula chamou um Uber e conheceu o seu Ademir. “Já sou motorista parceiro há 13 meses”, contou o motorista. “Amigos que já usavam o serviço me deram a dica e eu entrei – com muita felicidade”.

“Os ganhos que eu faço me permitem viver bem, de um modo saudável, e o tempo que administro me permite ter mais contato com meus familiares – que por sua vez vêem em mim uma pessoa mais feliz hoje do que antes eu fui”, afirmou.

Na última terça-feira, 31 de Outubro, um projeto que tinha passado pelo Congresso foi rejeitado. O projeto, a PLC 28, queria dificultar a vida de quem fosse motorista, mas não tivesse a licença de um táxi. Sob um intenso clamor popular dos quase 15 milhões de usuários dos apps de transporte privado como Uber, o Senado vetou o projeto e agora ele volta para a Câmara, mas dificilmente vai voltar num formato que prejudique os usuários.

Se interessou e quer virar motorista parceiro da Uber? Então acesse http://uber.com/dirija