0:00
0:00

Lula diz esperar que Lava Jato “peça desculpas” por não encontrar provas contra ele

  • Por Jovem Pan
  • 13/09/2017 19h31
Giuliano Gomes/PR Press/Estadão ConteúdoAo lado da presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, Lula participa de ato em seu apoio na Praça Generoso Marques, em Curitiba

Após mais de duas horas de depoimento ao juiz Sérgio Moro na tarde desta quarta-feira (13), Lula repetiu o que fez no primeiro interrogatório e foi ao centro de Curitiba para um discurso aberto ao povo. Ao lado da presidente do PT, Gleisi Hoffmann, Lula foi firme ao garantir que irá depôr quantas vezes for necessário, e que aguarda o momento em que a Lava Jato irá “à mesma TV em que o acusa” para dizer “nós mentimos”.

“Eu quero respeitar a Justiça e a Constituição Brasileira, mas só peço que quem está me acusando, que não acharem R$ 1 roubado vá para a mesma televisão que me acusa pedir desculpas”, afirmou.

O ex-presidente, inflamado com o coro de petistas, garantiu que ao invés de ficar nervoso fica orgulhoso por, após mais de um ano de “investigações, escutas e filmagens”, não ser encontrada uma única prova contra ele.