0:00
0:00

Assista ao vivo

Causa preocupação o uso generalizado de expressões inexistentes

  • Por Jovem Pan
  • 17/08/2017 10h59
Marcos Santos/USP ImagensNa legislação, por exemplo, não existe delação premiada. O que a lei premia é a colaboração com a Justiça

Os jornalistas de todas as redações deveriam oferecer a quem nos lê ou ouve, mais informações consistentes e menos análises loucas. Mais notícias resultantes de investigações cuidadosas e menos palpites. Se o conteúdo do noticiário é de doer, a forma é de chorar.

Nem perderei tempo com modismos pedantes e inúteis. A hoje onipresente narrativa logo será aposentada pela volta da velha e boa versão. O que causa preocupação é o uso generalizado de expressões inexistentes ou de termos que agridem os fatos.

Na legislação, por exemplo, não existe delação premiada. O que a lei premia é a colaboração com a Justiça. Os jornalistas preferiram adotar a expressão que não existe porque remete a figura do delator. As razões desta opção são fáceis de identificar.

Confira o comentário completo de Augusto Nunes: