Lula só vai acreditar na imprensa quando passar a noite em uma cela em Curitiba

  • Por Jovem Pan
  • 12/12/2017 10h40
EFE/Marcelo SayãoZanzando no palanque, Lula começou o palavrório: “estou triste com o que está acontecendo. RJ não merece a crise que está vivendo”

Na última missa negra celebrada no Rio de Janeiro pela procissão dos pecadores sem chances de aprovação no juízo final, o chefe da seita produziu o fecho perfeito para o sermão da vigarice. Zanzando no palanque, Lula começou o palavrório: “estou triste com o que está acontecendo. RJ não merece a crise que está vivendo”. Estaria começando o pedido de desculpas do velho comparsa de Cabral? Errado, Lula diria que não tem nada com isso.

Confira o comentário completo de Augusto Nunes: