Pimenta Neves certamente aplaudiu voto de ministros do STF que aceitaram HC de Lula

  • Por Jovem Pan
  • 05/04/2018 10h41
Leonardo Soares/Estadão ConteúdoPimenta Neves certamente aplaudiu atitude de ministros que votaram pró-Lula

Acompanhem o roteiro: em agosto de 2000, o jornalista Pimenta Neves assassinou a ex-namorada. Em depoimento quatro dias após o criem, ele assumiu a autoria do crime, ficou seis meses na cadeia e passou a responder ao processo em liberdade. Em dezembro de 2006 ele foi condenado a 19 anos de prisão, mas continuou em liberdade. Em setembro de 2008, o STJ reduziu a pena de 19 para 15 anos de cadeia. Em maio de 2011, o STF rejeitou o último recurso apresentado pela defesa. Para Celso de Mello, Lewandowski, Toffoli, Marco Aurélio Mello e Mendes, só então ele pode ser chamado de culpado e começou a cumprir pena. Em setembro de 2013 foi ao regime semiaberto, e em 2016 foi libertado.

Confira o comentário completo de Augusto Nunes: