Cármen Lúcia está sob forte pressão corporativa

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2018 10h46
Agência BrasilTudo porque informou a associações de magistrados que agendará para março a votação no STF da questão do auxílio-moradia

Cármen Lúcia, que não é das mais fortes juízas do Brasil, está sob forte pressão corporativa. Tudo porque informou a associações de magistrados que agendará para março a votação no STF da questão do auxílio-moradia. Isso bastou para que a temperatura subisse.

Confira o comentário completo de Carlos Andreazza: