Andreazza: só um parvo não nota que as privatizações foram bem recebidas pela sociedade

  • Por Jovem Pan
  • 30/08/2017 10h25
BRA100. BRASILIA (BRASIL), 20/05/2017.- El presidente de Brasil, Michel Temer, pronuncia un discurso hoy, sábado 20 de mayo de 2017, en el Palacio del Planalto, en Brasilia (Brasil). El presidente, en un mensaje a la nación, cuestionó la validez de las grabaciones realizadas por uno de los dueños de la empresa JBS y en la que, según la Fiscalía, Temer avala la compra del silencio de un poderoso diputado preso por corrupción. El presidente pidió al Tribunal Supremo la suspensión de la investigación abierta en su contra por los supuestos delitos de corrupción y obstrucción a la justicia. EFE/Joédson AlvesEFE/Joédson AlvesMais um sinal de que leem porcamente o tabuleiro político eleitoral, diz Andreazza

É inacreditável que, em 2017, governantes ainda tenham medo em falar em privatização e, quando obrigados pelo orçamento para fazer caixa, o façam tão mal. Mais um sinal de que  lêem porcamente o tabuleiro político eleitoral. Só a um parvo pode ter escapado que os anúncios feitos pelo Governo foram bem-recebidos pela sociedade.

Confira o comentário completo de Carlos Andreazza: