0:00
0:00

Não é a maioria silenciosa, mas a silenciada e demonizada que reage nos votos

  • Por Jovem Pan
  • 26/09/2017 10h24
Nelson Jr./ ASICS/ TSENão há mais direita no mundo; quatro anos depois, nada mudou

Escrevi em outubro de 2013 que não há mais direita no mundo. Quatro anos depois, nada mudou, como mostra a eleição alemã que garantiu o quarto mandato de Angela Merkel.

Confira o comentário completo de Felipe Moura Brasil: