0:00
0:00

Toma vergonha na cara, José Sarney

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2017 10h34
Estadão ConteúdoEstadão Conteúdojosé SArnay - Estadão Conteúdo
Brasil, Brasília, DF, 25/03/2014. Retrato do ex-presidente do Brasil, José Sarney, durante entrevista exclusiva em seu gabinete no Senado, em Brasília. - Crédito:ANDRE DUSEK/ESTADÃO CONTEÚDO/AE/Código imagem:161622

Equanto o Brasil inteiro discute a reforma da previdência, o ex-presidente José Sarney luta na justiça para manter sua tripla aposentadoria, que lhe garante uma renda de 73 mil reais por mês.

Esse valor representa mais do que o dobro do teto constitucional.

Sarney foi condenado a devolver aos cofres públicos tudo aquilo que recebeu acima deste teto desde 2005.

O que foi recebido antes não foi cobrado, pois o Estado perdeu o prazo para reivindicá-lo. Curioso, não ?

Em números, o ex-presidente acumula uma pensão no valor de 30 mil como ex-governador do Maranhão; outros 14 mil como aposentado do Tribubal de Justiça maranhense; e mais 29 mil como ex-senador.

Toma vergonha, Zé Sarney.