0:00
0:00

BNDES precisa de uma auditoria externa para evitar relatório da burocracia

  • Por Jovem Pan
  • 14/07/2017 10h34
Agência Brasil"O relatório acaba sendo um elogio ao projeto criminoso de poder petista”, diz

O comentarista Marco Antonio Villa destaca o relatório do BNDES entregue nesta quinta-feira (13) com exclusividade à Jovem Pan pelo presidente do Banco, Paulo Rabello de Castro. Em menos de 45 dias, o economista trouxe o “Livro Verde – A história tal como ela é”.

Villa ressalta que não poderia comentar o relatório sem antes realizar a leitura. “Eu li, nada contra o Paulo Rabello, mas a grande questão é que esse é o relatório da burocracia do BNDES e não fala sobre pontos fundamentais como o Porto de Mariel. O relatório acaba sendo um elogio ao projeto criminoso de poder petista”, diz.

Para Villa, é impossível que o BNDES faça um pente-fino sobre si: “só é possível fazer pente-fino nas empresas e bancos estatais com auditorias externas. BNDES merece auditoria externa, assim como Petrobras, Banco do Brasil, Caixa. O relatório é um produto de um corporativismo que faz mal ao Brasil”.

Confira o comentário completo: