0:00
0:00

Lugar de pessoas como Wesley e Joesley é a cadeia

  • Por Jovem Pan
  • 13/09/2017 07h42
Reprodução“A super-quarta começou bem com o Wesley preso", diz Marco Antonio Villa

Polícia Federal prende na manhã desta quarta-feira (13) o empresário da JBS Wesley Batista, irmão de Joesley. A PF investiga se os irmãos se aproveitaram da própria delação premiada para ganhar dinheiro no mercado financeiro.

Os investigadores sustentam, no pedido de prisão, que existem fartas provas de que os irmãos Batista agiram pessoalmente negociando ações do grupo e contratos futuros de dólares.

Na ação deflagrada nesta manhã ainda são alvos: o diretor jurídico da JBS, Francisco de Assis e Silva, a advogada Fernanda Tórtima, e o ex-procurador Marcello Miller.

“A super-quarta começou bem com o Wesley preso. Vão vir os defensores do Estado Democrático de Direito. Espero que ele mofe na prisão. O ideal seria prisão perpétua para toda essa turma. O lugar de pessoas como Wesley e Joesley é a cadeia”, diz Marco Antonio Villa.

Assista ao comentário completo: