Engenheiro civil da Odebrecht, Emyr Costa, diz que ajudou advogado de Lula com documento falso para ocultar reforma no sítio de Atibaia, em São Paulo.

O delator afirma ainda que comprou um cofre para guardar dinheiro da obra na propriedade frequentada pelo ex-presidente, que nega ser o dono.

Marco Antonio Villa comenta: Algumas observações: há evidências, testemunhas, notas fiscais. Hoje, com o depoimento de Leo Pinheiro (OAS), mais depoimentos devem comprometer o ex-presidente.

Caso essa acusação seja comprovada, espero que a OAB de São Paulo tenha algum tipo de ação. Isso é gravíssimo. Seria um advogado participando de uma falsificação.

Justiça de São Paulo absolve o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto e mais 11 pessoas em caso que envolve o tríplex no Guarujá.

A acusação do Ministério Público incluía o ex-presidente Lula, mas o trecho envolvendo o petista foi encaminhado para o juiz Sérgio Moro.

Villa comenta: Ele tem dois domicílios. Ele sempre usa terceiros A questão envolvendo o Lula está em Curitiba.