0:00
0:00

Se denúncias forem comprovadas, o governo acabou e Temer deve renunciar

  • Por Jovem Pan
  • 17/05/2017 20h33
Beto Barata/PRBeto Barata/PRMichel Temer - abr
São Paulo - O presidente Michel Temer participa da cerimônia de Posse do Conselho de Administração da Amcham (American Chamber of Commerce for Brazil) (Beto Barata/PR)

Marco Antonio Villa comenta a delação-bomba da JBS, que gravou o presidente Michel Temer (PMDB) autorizando a compra de silêncio de Eduardo Cunha na prisão, entre outras acusações. Confira alguns trechos:

Se todas essas acusações gravíssimas forem verdadeiras e tiverem a devida comprovação de imagens e depoimentos, o governo simplesmente acabou.

O governo não tem condições de se manter um dia diante da gravidade dessas acusações.

Temer teria de renunciar e se cumpriria o que diz a Constituição: eleição indireta pelo Congresso Nacional e um presidente-tampão.

Por que estavam tanto tentando parar a Lava Jato? O ministro do STF Gilmar Mendes estava tentando parar as investigações.

A Lava Jato tem de ir até o final.