0:00
0:00

Até nos bastidores já se começa a movimentação intensa na corrida pela Presidência

  • Por Jovem Pan
  • 23/08/2017 08h24
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilSegundo a comentarista Vera Magalhães, há movimentos mais explícitos como os do petista, mas nos bastidores há bastante intensidade também

No meio do turbilhão político e do nó ainda atado da reforma política na Câmara, a campanha de 2018 vai ganhando impulso e nomes começam a despontar como possíveis candidatos para a próxima eleição presidencial. O ex-presidente Lula, por exemplo, já está em peregrinação pelo Nordeste.

Segundo a comentarista Vera Magalhães, há movimentos mais explícitos como os do petista, mas nos bastidores há bastante intensidade também.

Nesta terça-feira (22), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deu rara entrevista e traçou o perfil de um nome que ele acredita que seria bem-sucedido no ano que vem. Segundo ele, o populismo de Lula, por exemplo, estaria esgotado.

“O povo procura, por ora, alguém honesto e novo na política. Meirelles é novo, mas ele não tem carisma, não tem reformas e a esperada condução bem-sucedida da economia teve algumas falhas. Ele também não tem um Governo forte para suportá-lo”, diz Vera.

Assista ao comentário completo: