Condenação de Lula faz Luciano Huck apertar o passo no plano presidencial

  • Por Jovem Pan
  • 31/01/2018 08h20
ReproduçãoO apresentador voltou a sondar o terreno discretamente e não deixará a Globo, neste momento

A pesquisa Datafolha desta quarta-feira (31) trouxe cenários em que o ex-presidente Lula e Jair Bolsonaro aparecem à frente de nomes como Geraldo Alckmin e Luciano Huck. Mas, com a condenação do petista na última semana, o apresentador da Rede Globo voltou a retomar conversas.

O campo pode ser propício para semear as coisas agora, mas é difícil saber quem vai colher. Luciano Huck tem muito a perder, mas ele voltou a regimentar pessoas que estiveram com ele no fim do ano passado. A saber, PPS, empresários e economistas voltaram a conversar com ele, além de estrategistas de campanha.

O apresentador voltou a sondar o terreno discretamente e não deixará a Globo, neste momento, e avaliará o cenário antes de pensar em deixar a emissora.

Sobre as pesquisas, há restrições, já que elas são extemporâneas. A Datafolha desta quarta-feira não traz nenhum cenário que tenha só Geraldo Alckmin sem Luciano Huck, por exemplo. Mas nos cenários propostos, os dois sempre aparecem empatados.

Este momento é de articulação de alianças, de candidaturas. Então, para Alckmin, demorar a atingir 10% impossibilita grandes avanços para alianças.

Confira o comentário completo de Vera Magalhães: