0:00
0:00

Janot irá denunciar Joesley Batista por obstrução de Justiça

  • Por Jovem Pan
  • 13/09/2017 08h38
Valter Campanato/Agência BrasilSegundo integrantes do Ministério Público Federal, o pedido contra o executivo da JBS deve reforçar a denúncia contra Temer

Sem a imunidade criminal, Joesley Batista deverá ser denunciado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, por obstrução de Justiça na mesma denúncia que deverá ser apresentada contra o presidente Michel Temer ainda nesta semana.

Segundo integrantes do Ministério Público Federal, o pedido contra o executivo da JBS deve reforçar a denúncia, pois dificultaria uma das linhas de defesa de Temer referente aos benefícios concedidos aos delatores da empresa.

Segundo a comentarista Vera Magalhães, a inclusão de Joesley na denúncia é, na verdade, uma reação de Janot às críticas das quais ele tem sido alvo.

A imputação de obstrução de Justiça será feita com base no depoimento de Joesley e também na delação do doleiro Lúcio Funaro, homologada pelo ministro do Supremo Edson Fachin.

Sobre buscas no exterior, Vera Magalhães apurou que a PGR não irá pedi-las, pelo menos por ora. A justificativa de Janot para que as buscas não tenham ocorrido é de que não houve tempo e que deve ficar para Raquel Dodge.

Confira o comentário completo de Vera Magalhães: