Movimentação de Doria para governo de SP existe, mas é cautelosa

  • Por Jovem Pan
  • 02/02/2018 08h22
Marcos Corrêa/PRJoão Doria mostra que sua movimentação para uma eventual candidatura ao governo estadual pode ficar mais intensa nos próximos dias

De forma mais cautelosa e atuando fora dos holofotes, o prefeito de São Paulo, João Doria, mostra que sua movimentação para uma eventual candidatura ao governo estadual pode ficar mais intensa nos próximos dias.

Doria quer se contrapor à ofensiva grande do vice Márcio França que é de “comprar apoios” por meio da estrutura do governo. Doria tem feito movimento de evitar que prefeitos caiam nessa cantilena de aceitar. Isso porque quando Márcio França assume o governo – e tem caneta na mão – ele pode ajudar ou prejudicar alguns prefeitos e estes ficam ressabiados.

A ala mais velha do PSDB não é muito simpática a Doria e tem ficado mais ao lado de Márcio França. Mas ainda tem a ala do Palácio dos Bandeirantes, que é a de Geraldo Alckmin. Ele avalia uma parceria com o PSB para ganhar minutos de TV na campanha para a Presidência ou manter governo de SP com tucano.

Alckmin incentivava Doria, mas a perda de confiança irrestrita e o foco na campanha presidencial mudaram um pouco a relação. Por outro lado, os tucanos se questionam sobre a força de Alckmin para a Presidência e a possibilidade de perder o espaço tucano no Estado.

Confira o comentário completo de Vera Magalhães: