No ritmo atual, votação de denúncia na Câmara não deverá ser realizada antes do dia 12

  • Por Jovem Pan
  • 26/09/2017 08h51
EFE/Joédson AlvesSe o Governo quisesse correr com o assunto, teria que conseguir quórum

A Câmara dos Deputados deve ler nesta terça-feira (26), em plenário, o texto da denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o presidente Michel Temer. A expectativa de votar a denúncia antes do dia 12 de outubro começa a cair e devemos passar este mês debatendo o assunto.

Enquanto isso, os deputados aproveitam para tirar ainda mais demandas do Palácio do Planalto. A falta de quórum para a leitura do texto no plenário – que depois será encaminhado para a CCJ – mostra a articulação política frouxa do Governo.

Se o Governo quisesse correr com o assunto, teria que conseguir quórum. Mas o tema deve permanecer nos calcanhares do Palácio por mais semanas que o imaginado.

Nesta segunda denúncia devemos ter um placar mais dilatado do que na primeira, mas não devemos ter o passo ligeiro esperado para liquidar a denúncia.

Assista ao comentário completo de Vera Magalhães: