0:00
0:00

Manifestações no Brasil e no mundo marcam o Dia Internacional das Mulheres

  • Por Jovem Pan
  • 08/03/2017 22h12 - Atualizado em 04/04/2017 16h32
PAULO ERMANTINO/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDOPAULO ERMANTINO/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDOProtesto no Brasil - AE
SP - ATO/DIA INTERNACIONAL DA MULHER/SP - CIDADES - Mulheres protestam contra as reformas apresentadas pelo presidente Michel Temer em manifestação em frente à Câmara Municipal de São Paulo, região central da cidade, nesta quarta, Dia Internacional da Mulher. 08/03/2017 - Foto: PAULO ERMANTINO/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDO

O Dia Internacional da Mulher, celebrado nesta quarta-feira, 8, foi marcado por manifestações em vários países, entre eles Estados Unidos, Espanha, Bélgica, Ucrânia, Turquia e Índia. No Brasil, não foi diferente. Passeatas foram organizadas em diversas cidades.

O relatório “Visível e Invisível: a Vitimização de Mulheres no Brasil”, feito pelo Datafolha, a pedido do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, apresentou conquistas e desafios enfrentados pelas mulheres no país.

Vera Magalhães acredita que as coisas estão melhorando para as mulheres e defendeu o processo contra o deputado Jair Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal por crime de incitação ao estupro. O parlamentar afirmou que a colega de Câmara, deputada Maria do Rosário, “não merecia ser estuprada”. Carlos Andreazza entende que Bolsonaro errou, mas acredita que a ação no STF é política. Marcelo Madureira considera que Bolsonaro queria apenas provocar a deputada Maria do Rosário.