0:00
0:00

Temer recebe sucessora de Janot fora da agenda oficial: encontro prejudica Raquel Dodge?

  • Por Jovem Pan
  • 09/08/2017 18h53
Marcelo Camargo/Agência BrasilMarcelo Camargo/Agência BrasilRaquel Dodge assumirá a PGR em 18 de setembro

Nesta quarta-feira (9) um encontro entre o presidente Michel Temer e a futura procuradora-geral da República, Raquel Dodge, fora da agenda oficial, gerou reação do Palácio do Planalto.

O peemedebista recebeu a sucessora de Rodrigo Janot na noite de terça-feira (8) no Palácio do Jaburu. O Planalto e a assessoria da ainda subprocuradora alegaram que a conversa foi solicitada para acertar os termos da posse de Dodge na PGR, em 18 de setembro.

No 3 em 1, Patrick Santos mediou debate entre Vera Magalhães, Carlos Andreazza e Marcelo Madureira, que discutiram as consequências de mais uma reunião de Michel Temer fora da agenda oficial, desta vez com a sucessora de Janot, que tanto criticou essa postura.

Vera destacou que o encontro não teve propósito, já que ocorreu no mesmo dia em que o presidente pediu ao Supremo Tribunal Federal a suspeição de Rodrigo Janot.

Andreazza afirmou que o encontro não é ilegal, mas que existem outras maneiras de se tratar de uma questão como posse.

Madureira disse que a “operação abafa” para barrar a Lava Jato está com a carga total, e que a desculpa de Raquel Dodge foi esdrúxula.

Confira o debate completo no 3 em 1: